Publicidade

ESPERANÇA

Após mais de dois anos sem água nas torneiras, as populações da cidade de Riachão do Bacamarte, dos distritos de Ingá, Pontina e Chã dos Pereiras, e das comunidades de Cutias e Rua da Palha, foram surpreendidas com água nas torneiras nesta terça-feira (12). Populares relataram pelas redes sociais a felicidade de tomar banho de chuveiro novamente. Mas alegria durou pouco, pois o sistema foi novamente suspenso. 

RETORNO DO ABASTECIMENTO COM RACIONAMENTO

Segundo informações do vice-prefeito de Ingá Robério Burity, o reabastecimento está em fase de testes para detectar vazamentos e consertos. A previsão é que na próxima semana o abastecimento será retomado com racionamento obedecendo o seguinte planejamento: três dias para o distrito de Pontina, três dias para Chã dos Pereiras e cinco dias para a cidade de Riachão do Bacamarte.

Riachão terá maior quantidade de dias com água devido a parte alta da cidade necessitar de mais tempo para que o líquido chegue às torneiras. 

LUTA PELO ABASTECIMENTO E RECUPERAÇÃO DA BARRAGEM

Robério Burity tem sido o grande articulador e interlocutor com o governo do estado, tanto na luta pelo reabastecimento destas comunidades, quanto na luta pela execução das obras de recuperação da barragem que segue em bom ritmo, tendo acompanhado de perto semanalmente. A obra recupera em definitivo o sangradouro do açude e talude que apresentavam vazamentos e desgastes causadores da falta de condições de armazenamento da água. 

Robério acredita que em uma semana a Cagepa poderá liberar o retorno do abastecimento. As obras em andamento não impedem a religação do sistema. A população aguarda ansiosamente. 

Inga Cidadão 

Comente usando o Facebook

Publicidade