LADRÃO OUSADO REALIZA FURTO DENTRO DO FÓRUM DE INGÁ EM PLENO EXPEDIENTE.

Furtou um estabilizador do computador e saiu de mansinho.

Veja os detalhes.

 

O fato aconteceu no dia 05 de março do corrente ano. O acusado entrou nas dependências do fórum procurando atendimento da Defensoria Pública e foi orientado a se dirigir a sala dos Defensores Públicos. Aproveitando o pouco movimento daquele dia, e vendo a sala aberta, o elemento entrou na sala, desligou o estabilizador da tomada de força e do computador, colocou numa sacola e saiu normalmente sem ser visto nem incomodado. No dia seguinte, quando o Defensor Público, Dr. José Régis, chegou ao fórum para trabalhar sentiu falta do equipamento e comunicou de imediato à Direção do Fórum, que tomou as providencias de comunicação à polícia civil para instauração de inquérito a fim de elucidar o caso, uma vez que já havia sido feito indagações a todos os funcionários a respeito, mas ninguém dava conta do paradeiro do equipamento citado.

Através da análise atenta das imagens das câmeras de segurança, o Policial Civil José Augusto de Queiroz,  chegou a identificar o ladrão. Trata-se do já processado Adriano Cezar da Silva, vulgo Pernambuco, que já responde a outros processos por uso de tóxico e recentemente foi preso por realizar furtos no comercio local, sendo identificado também por câmeras de seguranças das lojas.

Adriano Cezar da Silva, vulgo Pernambuco. (Foto: blog do vavá da luz)

Agora, Pernambuco que já se encontra preso, responderá a mais um processo penal, sendo incurso no Artigo 155 do Código Penal, que prevê pena de 1 a 4 anos de prisão.

Que ironia do destino, o réu entra no recinto do fórum solicitando assistência de advogado do Estado e furta a própria defensoria. Quem irá defendê-lo agora neste caso?

Pernambuco já estava sendo conhecido no Ingá, como o “Pop Star” das câmeras de segurança da cidade. Agora complicou-se mais ainda.

 

Comente usando o Facebook

plugins premium WordPress