sábado, julho 20, 2024
spot_img
HomeGeralEsporteEverson fecha o gol e duelo entre Athletico-PR e Atlético-MG termina em...

Everson fecha o gol e duelo entre Athletico-PR e Atlético-MG termina em empate

O Athletico-PR e Atlético-MG o ficaram no empate em 1 a 1, neste sábado, 2, em partida disputada pela 22ª rodada da Série A do Brasileirão. Os times, que se encontraram na Na Ligga Arena, em Curitiba, fizeram bom jogo. Pressionando nos primeiros minutos, o Galo chegou ao gol com Paulinho, logo aos cinco minutos.

O Furacão, que fez primeiro tempo ruim, melhorou na etapa final, parou nas defesas de Everson e chegou ao empate com Vitor Roque. No fim, o time da casa terminou com dez, pois Fernandinho foi expulso. Enfim, resultado justo.

Com o resultado, o Furacão foi aos 34 pontos, mantendo o sétimo lugar. O Galo, com 31 pontos, segue em nono lugar, mas pode perder a posição para o Cuiabá.

O Athletico não entrou em campo nos primeiros cinco minutos. O Galo deitou e rolou pela esquerda, com Arana, Pavón e Pedrinho, levando o lateral Madson e o zagueiro Cacá à loucura. Assim, o time paranaense quase levou um gol de Arana no primeiro minuto. Pavón obrigou Leo Linck a fazer grande defesa aos quatro. Aos cinco, Pedrinho cruzou e Paulinho, de cabeça, sem sair do chão, fez Galo 1 a 0.

Somente depois disso o Athletico começou a tentar alguma coisa. O time, que entrou sem o goleiro Bento (machucado) e Canobbio (suspenso), estava coletivamente desarrumado, com Romulo (que não jogava desde junho) muito mal. Ainda assim, quase empatou numa cabeçada de Thiago Heleno, para grande defesa de Everson, e num chute de Vitor Bueno de fora da área. Mas o Galo mereceu a vitória parcial.

Com as saídas de Rômulo e Vidal para as entradas de Cuello e Zapelli, o time voltou bem melhor. Buscou o ataque e obrigou o goleiro Everson a fazer boas defesas, saindo como o melhor em campo. Mas, de tanto tentar, veio o gol. Aos 33, Zapelli viu Vitor Roque se movimentar na área nas costas de Jemerson e enfiou a bola. O atacante dominou e chutou para defesa parcial de Everson. Mas a sobra voltou para o goleador, que mandou para a rede. Pouco depois, Fernandinho (que já tinha amarelo) foi expulso e saiu esbravejando com a arbitragem. Mesmo com dez, o Furacão seguiu em cima. O Galo, pouco inspirado, dependia de Paulinho para conseguir alguma coisa. Teve uma chance, mas sem sucesso. Dessa forma, 1 a 1 justo.

ClickPB

Comente usando o Facebook

DESTAQUES
spot_img
spot_img

Popular

plugins premium WordPress