Publicidade

O amor está no ar. E o casamento está reatado, de papel passado e com destaque no site oficial. Numa reunião  entre o presidente do CSKA, Yevgeny Giner, o vice de finanças do Flamengo, Michel Levy, o advogado Diogo Souza e o empresário Evandro Ferreira, Vagner Love assinou sua rescisão com o clube russo e foi anunciado oficialmente pelo  Flamengo, com contrato até dezembro de 2014. Além da proposta, o pedido do atacante foi determinante para o desfecho positivo da negociação nesta quarta-feira.
– Nós sempre mostramos um carinho enorme pelo Vagner Love. Ele é rubro-negro e tem o perfil do jogador que queremos no Flamengo. É apaixonado pelo clube e vestirá o manto sagrado com muita propriedade. No Flamengo joga quem quer e ele sempre mostrou que queria. Estamos muito felizes com seu retorno e esperamos que a Nação comemore muitos gols dele – afirmou a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, ao site oficial.
Rubro-negro de coração, Vagner Love terá sua segunda passagem pelo clube que defendeu em 2010, quando fez dupla com Adriano, no ataque que ficou conhecido como o Império do Amor.
Apesar de não ter conquistado títulos, Love caiu nas graças do torcedor. Em 27 jogos, o atacante marcou 23 gols.
A primeira tentativa do Flamengo, feita no dia 30 de dezembro de 2011, foi frustrada. O CSKA recusou a proposta inicial de R$ 14,5 milhões parcelados em cinco anos. Na época, o clube russo disse que a oferta era “totalmente inadequada”. O Flamengo remanejou recursos da frustrada operação Thiago Neves e chegou a Moscou com uma oferta superior, de R$ 18 milhões. No entanto, teve de “esticar a corda” até atingir os € 10 milhões (R$ 22,8 milhões) pedidos pelos russos. O valor será parcelado em três anos. O empresário do atleta, Evandro Ferreira, também ajudou a captar dinheiro.
Michel Levy, vice de finanças do clube,  tomou as rédeas da negociação e tinha como questão de honra o acerto com Love. Antes da viagem, ele avisou na Gávea que só voltaria com o atacante embaixo do braço.
O presidente Yevgeny Giner diz que a vontade do jogador fez o clube fechar os olhos para ofertas europeias. O dirigente tem muito carinho por Love. Foi o jogador que conseguiu a reunião. Entre os argumentos, o atacante usou seu profissionalismo, gols e títulos durante os seis anos e meio que defendeu o clube.
Na última terça-feira, O CSKA aceitou a proposta rubro-negra, só restando a assinatura da rescisão, que foi selada nesta quarta, terceiro dia consecutivo de reuniões.
Ainda com tranças azuis, Love em breve deverá aparecer com novo visual. O cabelo e o coração do atacante combinam com o vermelho e preto.
E a torcida pode esperar muitos corações nas comemorações. Enfim, o casamento está retomado. E de papel passado.
globoesporte

Comente usando o Facebook

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here