Estudantes continuam sendo transportados em “pau-de-arara”, enquanto dezenas de ônibus mofam na Cagepa

Enquanto milhares de estudantes continuam sendo transportados de maneira precária em veículos pau de arara nos municípios paraibanos, dezenas de ônibus escolares continuam estacionados na sede da Cagepa em Marés, na cidade de João Pessoa. Os veículos foram adquiridos através do projeto “Caminho da Escola” do governo federal para possibilitar o transporte escolar, principalmente na zona rural.

Segundo o internauta que fez o flagrante do descaso, são dezenas de ônibus estacionados expostos a chuva e sol sem alguma previsão de entregas as prefeituras paraibanas, já que o objetivo da frota de veículos escolares é garantirem segurança e qualidade ao transporte dos estudantes e acabar de vez com o transporte de estudantes em “paus de arara”.

Em 2011 foram registrados vários casos de transporte de estudantes nesses tipos de veículos por toda Paraíba. O Ministério Público Estadual fez o flagrante na cidades de Matinhas e Alagoa Nova ao verificar que estudantes sendo transportados, sem as mínimas condições de segurança. No Vale do Piancó, estudante de Serra Grande, continuam sendo transportados de maneira precária dentro do município. Segundo denúncia, com exceção do sítio Aguiar, todos os estudantes da zona rural são levados até a cidade em pau de arara correndo sérios riscos de acidentes. Já em Lagoa de Dentro, uma camionete, GM/Chevrolet D10, cor azul, ano 1981, de placas MZA 2363 é a responsável pelo transporte escolar de estudantes. Em Piancó, município do sertão da Paraíba, situado a 390 km de João Pessoa, alunos da rede pública de ensino viajam por estradas esburacadas nesses caminhões conhecidos como “pau de arara”. A reportagem flagrou vários estudantes sendo transportados de forma irregular por um caminhão Ford F400, ano 1979, com placa de Piancó, com 12 alunos da zona rural até a cidade pela BR 361.

Blog do Cristiano Alves

 

 

 

Comente usando o Facebook

plugins premium WordPress