sexta-feira, março 1, 2024
spot_img
HomeJustiçaAdvogados do médico Kauê Seabra negam violência e tentam culpar mulher por...

Advogados do médico Kauê Seabra negam violência e tentam culpar mulher por agressões

Os advogados do médico Kauê Seabra negaram violência por parte dele contra a esposa, embora tenham admitido que pesa contra ele uma medida protetiva o impedindo de de se aproximar da ex-companheira. Conforme noticiado pelo ClickPB, em vídeos registrados pelas câmeras de segurança instaladas no apartamento em que o casal residia é possível verificar algumas das agressões do médico.

Contudo, apesar das imagens, os advogados Aécio Farias e Ravi Vasconcelos alegam que a vítima, a médica Mikaella Lacerda, é quem era a agressora. “O médico foi vítima do gênio irascível de sua ex-esposa, diagnosticada com síndrome de borderlaine, cujos surtos psicóticos são por todos conhecidos”, diz trecho da nota da defesa de Kauê Seabra.

Os juristas confirmaram que desde o dia 1º de setembro, como noticiou o ClickPB, existe uma medida protetiva contra o médico para que ele não se aproxime da ex-companheira. Segundo a defesa, Kauê tem respeitado a medida.

Violência

De acordo com os depoimentos que o ClickPB teve acesso, Mikaella era obrigada a repassar todo o seu salário para o então marido, Kauê Seabra. Além disso, ela também era constantemente xingada e ameaçada na frente de seus filhos. O médico costumava andar armado dentro de casa e manipular sua arma de fogo na frente dos filhos. Ele já teria, inclusive, efetuado disparos de arma de fogo da varanda de casa após discussões.

Os episódios de violência não param por aí e a médica relatou ainda que era forçada a usar medicamentos controlados. Ela ainda era proibida até mesmo de falar com a própria mãe. O médico Kauê Seabra proibiu a entrada da mãe de Mikaella no prédio em que moravam. A vítima evitava ver a própria mãe temendo represálias por parte do então marido que, constantemente, também ameaçava tirar a guarda dos filhos como uma das formas de manipulação.

Um dos vídeos apresentados pela vítima para a polícia registra o momento em que Kauê Seabra teria rasgado as roupas da esposa para obriga-la a amamentar durante a madrugada. Outro vídeo flagra o momento em que Kauê cospe no rosto de Mikaella, que segurava a filha do casal no colo.

ClickPB

Comente usando o Facebook

DESTAQUES
spot_img
spot_img

Popular