PRF registrou 3.957 acidentes nas estradas federais da Paraíba em 2011

Em 2011, a Polícia Rodoviária Federal registrou 3.957 acidentes em rodovias federais que cortam o estado da Paraíba. A falta de atenção foi responsável por 1.263 acidentes, cerca de 32% das ocorrências. A região metropolitana de João Pessoa foi responsável por 1.746 (44,12%) dos acidentes.No total, 176 pessoas morreram na Paraíba, sendo 148 homense 28 mulheres. Os acidentes de trânsito com colisões frontais foram responsáveis por 44 (25%) mortes. Ainda em relação as vítimas 55 (31,25 %) delas estavam na faixa etária de 20 a 30 anos, das mortes.
Principais causas
A Polícia Rodoviária Federal apontou a falta de atenção como causa provável de 1.263 acidentes. Desrespeitar a distância de segurança entre os veículos ficou em segundo lugar com 305 acidentes. A presença de animais na pista ficou em terceiro lugar com 227 ocorrências. Na quarta posição ficou a ingestão de bebidas alcoólicas, com 200 registros.
Motocicleta
Do total de acidentes registrados em 2011, as motocicletas estavam envolvidas em 952 acidentes, ocasionando 58 mortes e 345 pessoas ficaram gravemente feridas. Ocorreram 229 acidentes tipo queda de motocicletas, que resultaram em 8 mortes e 88 feridos graves.
Acidentes mais comuns
Os dados da PRF relevam que do total de acidentes registrados, 1.237 foram do tipo colisão traseira, seguidos por saída de pista com 677 ocorrências e 601 colisões laterais.
Entretanto, os acidentes mais graves e que resultaram em maior número de mortes proporcionalmente à quantidade de acidentes registrados foram colisão frontal, atropelamento de pedestre e colisão com bicicleta.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal as colisões frontais acontecem principalmente por ultrapassagens em locais proibidos. O atropelamento de pedestre acontece tanto por imprudência de motoristas como também de pedestres.
Vítimas
Entre as pessoas envolvidas em acidentes de trânsito nas rodovias e estradas federais da Paraíba, 73,08% são homens, 19,94% mulheres e 6,97% não foram identificados. Entre esses, 1.289 pessoas pertencem à faixa etária de 25 a 30 anos, seguidos por 849 entre a faixa etária de 20 a 24 anos e 818 pessoas entre 31 a 34 anos.
Na tentativa de tentar diminuir o número de acidentes na Paraíba a PRF informou que entre as ações de 2012 estão a intensificação da fiscalização com o uso do etilômetro, utilização de radares móveis ao longo de todo o Estado e ainda atividades integradas com as Polícias Civil e Militar, Strans, Detran/PB e Guardas Municipais.

Do: G1

Comente usando o Facebook

plugins premium WordPress