Três homens são assassinados nas duas principais cidades da Paraíba

 

Dois crimes aconteceram em João Pessoa e um em Campina Grande.
Nenhum dos suspeitos pelos homicídios foi preso pela Polícia.

Dois homens foram mortos a tiros entre a noite de sexta-feira (25) e madrugada de sábado (26) em João Pessoa. De acordo com a Delegacia de Homicídios da capital, suspeito foi preso ainda, pois a autoria dos crimes ainda é desconhecida.


O primeiro homicídio aconteceu no bairro Cruz das Armas por volta das 18h30. Um homem de 35 anos estava na frente de sua residência quando outros dois homens chegaram em uma moto atirando. Ele foi atingindo por vários disparos e acabou morrendo. A polícia não soube dizer o que pode ter motivado o fato.

O outro crime foi registrado no bairro do Cristo Redentor, na madrugada deste sábado. Um homem estava na carona de uma moto quando foi atingido por vários tiros e morreu no local . A Delegacia de Homicídios, não soube informar de onde os disparos teriam partido. Porém, disse que a principal hipótese de investigação é a de acerto de contas, pois a vítima teria passagem pela polícia

Já na manhã deste sábado um outro homem foi encontrado morto no Cristo Redentor, nas proximidades do local do homicídio na madrugada. Segundo a Homicídios, ainda não é possível dizer se ele era o condutor da motocicleta.
Campina Grande
Em Campina Grande, a Central de Operações da Polícia Militar (Copom) registrou um homicídio e três tentativas em menos de seis horas. A primeira ocorrência foi no bairro do Catolé, por volta das 20h40, quando um jovem de 21 anos estava caminhando e foi abordado por dois homens em uma moto.

O rapaz foi atingido por um tiro no tórax e outro no lado esquerdo do rosto, conforme a Copom informou. Ele contou à polícia que não sabe o motivo do crime. O ferido foi socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

Na Catingueira, por volta das 22h dois homens encapuzados em uma moto com a placa coberta abordaram outros dois e efetuaram vários disparos. Um deles, José Leandro Rafael de Oliveira, de 21 anos, foi atingido por um tiro na cabeça e dois nas costas e morreu na hora. O outro, um rapaz de 20 anos, também foi baleado, mas foi socorrido para o Hospital de Trauma e depois liberado. De acordo com as informações que o jovem que ficou ferido passou para a polícia, a vítima tinha um desentendimento com alguém e esse pode ter sido o motivo do crime. Apesar das suspeitas, ninguém foi preso.

Por volta das 2h deste sábado (26), a Copom recebeu um chamado de uma mulher dizendo que o filho chegou em casa esfaqueado. O crime aconteceu no bairro do José Pinheiro. O ferido explicou que estava bebendo em um quiosque quando um homem chegou e o atingiu . A polícia já tem o nome do suspeito e ele está sendo procurado para prestar esclarecimentos.

Do G1 PB

Comente usando o Facebook

plugins premium WordPress