INGÁ: Vereador Jorge da Saúde se retrata diante do Ministério Público sobre a informação equivocada dada ao jornalista Márcio Rangel por ocasião da solenidade de posse do prefeito Robério Burity e restabelece a verdade

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Eu, Jorge Luiz Bezerra da Silva, Vereador da Cidade do Ingá-PB, venho, humildemente, pedir desculpas a população desta Cidade, principalmente à Promotora Dra. Cláudia Cavalcante, por ter interpretado de maneira errada o ofício que esta encaminhou à Presidência da Câmara Municipal de Ingá-PB.

A Representante do Ministério Público desta Cidade, Dra. Cláudia Cavalcante, requisitou, por meio do Inquérito Civil nº 053.2020.000695, para que, no prazo de 24 horas, a Presidência da Câmara Municipal apresentasse resposta e fundamento da negativa de posse do vice-prefeito para o cargo de prefeito, tendo em vista que o Senhor Manoel Chaves Batista Filho, encontrava-se sob tratamento médico e internado em uma unidade hospitalar.

Eu, de maneira equivocada, havia entendido que a Promotora teria determinado dar posse ao Vice-Prefeito no prazo de 24 horas. Assim, como foi muito tenso a solenidade de posse na última quarta-feira, o jornalista Márcio Rangel me ligou e eu, como estava bastante nervoso, terminei passando a notícia que havia entendido de maneira errada.

Assim, repito, venho humildemente pedir desculpas por este equívoco por minha parte em ter noticiado totalmente diferente o que realmente a Promotora havia se manifestado pelo ofício emitido para a Presidência da Câmara Municipal desta Cidade.

Ingá-PB, 17 de julho de 2020.

Atenciosamente,

 _______________________________________________________

VEREADOR JORGE LUIZ BEZERRA DA SILVA

Comente usando o Facebook