PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleição

A redação do Polêmica Paraíba recebeu prints vazados que mostram uma sugestão de compra de votos de vereadores para a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Pedras de Fogo.

Fontes ligadas ao Polêmica Paraíba afirmam que a conversa vazada aconteceu entre o vereador reeleito Leleo do Alternativo (PL) e um aliado conhecido por Luquinha, que tinha intenção de ser candidato mas estaria inelegível para disputar o pleito deste ano.

Segundo as conversas, eles comentam que para fazer a eleição da Câmara, seria necessário comprar o apoio de duas vereadoras de oposição, e que uma delas já estaria em parte encaminhada. Leleo foi eleito na base do prefeito eleito, Manoel Júnior.

Além suposta compra do apoio, os dois sugerem que, durante a entrega do dinheiro, fosse tramada uma maneira de flagrar da vereadora recebendo a quantia, para que ela perdesse o seu mandato.

A conversa mostra ainda que o vice-prefeito eleito da cidade, Bá Barros, supostamente queria “comprar” esse apoio com R$ 100 mil “com garantia de alguma coisa empenhada, para possível retorno”.

A redação do Polêmica Paraíba tentou entrar em contato com o vereador Leleo, mas não obteve retorno até o fechamento desta matéria.

Confira as imagens vazadas:

pedras de fogo 1 - PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleiçãopedras de fogo 2 - PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleição

pedras de fogo 3 - PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleição

pedras de fogo 4 - PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleição

pedras de fogo 7 - PEDRAS DE FOGO: vazam prints de vereador sugerindo compra de apoio de colegas de oposição para eleição

Fonte: Polêmica Paraíba

Comente usando o Facebook