Publicidade

O deputado estadual e presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Eduardo Carneiro (PRTB), destacou nesta sexta-feira (11), aniversário de 155 anos de Campina Grande, o projeto de Lei 913/2019, de sua autoria, que torna a Rainha da Borborema a Capital Estadual de Ciência e Tecnologia.

Campina Grande é um dos mais de 70 pólos tecnológicos do País e dona de um dos cursos de Ciência da Computação mais bem avaliados pelo Enad/MEC. A cidade exporta profissionais de tecnologia da informação para trabalhar em empresas como Microsoft e Google, atraem investimentos de multinacionais em projetos de pesquisa e é referência regional na área de tecnologia.

O perfil de referência em tecnologia da informação é reforçado pelos 15 laboratórios existentes na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), pelas parcerias do curso de Ciência da Computação com empresas multinacionais como Sony, HP e AOC, que favorece um investimento aproximado de R$ 6 milhões anuais em pesquisas na universidade; e pelas mais de 100 empresas da área instaladas somente em Campina Grande, de acordo com a Fundação Parque Tecnológico da Paraíba (PaqTcPB).

“Podemos afirmar que Campina Grande sedia um pólo tecnológico que promove uma base produtiva diferenciada e mais competitiva no Estado e no País, cujos produtos ou serviços gerados são bem posicionados no mercado local e no exterior. É importante ainda esclarecer que os laboratórios de Pesquisa e Desenvolvimento das universidades possuem conexões com instituições internacionais e projeta Campina Grande mundialmente”, afirmou.

Eduardo Carneiro também destacou o perfil empreendedor de Campina Grande e o seu avanço no que se refere à geração de emprego e renda. “Nós estamos sempre em contato com o setor produtor da Rainha da Borborema e ao lado dos empresários, estamos reformulando leis que impedem o desenvolvimento econômico”, disse o parlamentar.

Página 1 

Comente usando o Facebook

Publicidade