quarta-feira, julho 17, 2024
spot_img
HomePoliticaZema não se desculpa por fala contra o Nordeste e diz que...

Zema não se desculpa por fala contra o Nordeste e diz que ‘tem gente fazendo intriga’

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), não se desculpou por um comentário feito por ele sobre uma aliança Sul-Sudeste em resposta à articulação dos governadores dos nove estados nordestinos, e afirmou, em visita a Poços de Caldas (MG) nesta quarta-feira (9) que, “enquanto trabalha, tem gente aí fazendo intriga”.

O comentário foi feito em relação à uma fala do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que rebateu o comentário de Zema sobre a criação de uma aliança para defender interesses do Sul e do Sudeste. A fala foi classificada quase como uma “declaração de guerra” entre as regiões do país.

“Eu estou com a minha consciência limpa e gosto muito de trabalhar e me parece que nós temos muita gente preocupada no Brasil em criar polêmica e preocupar com a próxima eleição. Eu estou preocupado é com realização, onde tem gestão tem realização. Eu estou aqui trabalhando e tem gente aí fazendo intriga”, disse o governador de MG nesta quarta.

Em entrevista ao jornal “O Estado de S.Paulo”, Zema comentou a formação desta aliança entre os estados do Sul e do Sudeste, falando sobre o “protagonismo econômico e político” da região. Disse, ainda, que o Brasil funciona como um “produtor rural que começa só a dar um tratamento bom para as vaquinhas que produzem pouco e deixa de lado as que estão produzindo muito”, referindo-se aos estados nordestinos.

Para Zema, as regiões estariam em desvantagem em votações na Câmara em relação ao Nordeste, mesmo representando uma fatia maior da população.

Após a repercussão negativa da entrevista, Zema disse sua declaração ao jornal “O Estado de S. Paulo” foi tirada de contexto.

Já o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou que a fala do governador sobre um suposto protagonismo político das regiões Sul e Sudeste sobre o Norte e o Nordeste em entrevista ao jornal “O Estado de São Paulo” mereceria, no mínimo, um pedido de desculpas.

Perguntado se devia desculpas ao povo do Nordeste, Romeu Zema disse, novamente, que sua fala foi tirada de contexto.

“Nós temos de lembrar que quem leu a minha matéria entendeu muito bem o que eu quis dizer, está lá a minha matéria. Acho que nós tivemos uma manchete muito infeliz por parte do jornal, da mesma maneira que outras regiões, nós queremos que os interesses de Minas, do Sudeste, do Sul, sejam atendidos. O que nós queremos é o que o Nordeste já fez. Não tem associação de municípios aqui na região? Não pode ter associação de estados? Por que em algumas regiões pode ter e em outras regiões não podem ter?”, concluiu o governador.

Romeu Zema esteve em Poços de Caldas nesta quarta-feira para anunciar investimentos na cidade e também visitar pontos turísticos que estão agora sob concessão da iniciativa privada.

G1

Comente usando o Facebook

DESTAQUES
spot_img
spot_img

Popular

plugins premium WordPress