Pastor Hugo Wagner: Natal, celebração do nascimento de Jesus

Natal, celebração do nascimento de Jesus.

“Não temais, eis que vos trago boa nova de grande alegria: é que hoje vos nasceu na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (Lc 2.11).

A palavra “Natal” tem o significado de nascimento, ou aniversário natalício. Este é um evento que é único na história, tão significante que o nosso calendário foi mudado por causa dele. Agora tudo é Antes de Cristo (a.C.) e Depois de Cristo (d.C.).

O texto bíblico de Lucas no capitulo 2 nos mostra que José e Maria não encontraram lugar em Belém. A cidade estava lotada e as hospedarias indisponíveis. A hora de Jesus nascer havia chegado, e por não ter encontrado espaço entre os homens para nascer, nasceu numa estrebaria, um abrigo de animais. O Filho de Deus, o Rei dos reis nasceu em uma simples manjedoura.

Lembro-me que na infância ficávamos ansiosos para montar a árvore com os enfeites, bolas coloridas, embrulhar os presentes, ligar o pisca-pisca, enfim, um momento único que eu desejava que durasse para sempre. A bondade era a principal nota tocada. Quando pensamos em Natal, as primeiras imagens que chegam a nossa mente é a da árvore de Natal cheia de enfeites com presentes maravilhosos, uma ceia farta esperando para ser religiosamente devorada.

Mas certamente, o significado do que chamamos “Natal” é muito mais profundo do quê tudo isso que imaginamos.

Natal é muito mais do que uma mesa gastronomicamente saborosa, natal é muito mais do que uma bela árvore toda enfeitada, bem iluminada e cheia de presentes ao seu redor, é muito mais do que dar e receber presentes.

Natal é a celebração do nascimento de Jesus. Natal é a boa nova do nascimento de Jesus. É o cumprimento de um plano traçado na eternidade. É a consumação da mensagem dos profetas. Natal é a encarnação do Verbo de Deus. Natal é Deus se fazendo homem e o eterno entrando no tempo. Natal é Jesus nascendo na história (há 2 mil anos), mas também nascendo em nossos corações todos os dias? Natal é tempo da Graça de Deus derramada em nosso favor. O nosso Salvador, o nosso Redentor, o nosso Senhor nasceu. Hosana no mais alto dos céus.

Natal é Jesus sendo apresentado como o Salvador do mundo, o Messias prometido, o Senhor soberano do universo. Quando essa mensagem foi proclamada, os céus se cobriram de anjos, que cantaram: “Glórias a Deus nas maiores alturas e paz na terra entre os homens, a quem ele quer bem” (Lc 2.14). O verdadeiro Natal traz glória a Deus no céu e paz na terra entre os homens. Natal é boa nova de grande alegria para todo o povo.

O verdadeiro Natal foi celebrado com efusiva alegria no céu e na terra. Portanto, prossigamos em celebrar o nascimento do nosso glorioso Salvador!

Um fato interessante do natal de Jesus é que não havia lugar para Ele na estalagem, mas, hoje, há lugar para Cristo em nosso coração? Em nosso lar? E em nosso casamento?

 

Pastor Hugo Wagner Silveira Melo

Comente usando o Facebook

plugins premium WordPress