Publicidade

A polícia foi acionada e passará a investigar o caso para saber se o incêndio foi criminoso ou acidental. Deve ser realizada uma perícia para analisar a situação e colher dados para a investigação.

Cinco ônibus escolares foram destruídos durante um incêndio na cidade de São Bento, no Sertão do Estado, na madrugada desta terça-feira (13). Os veículos estavam estacionados no pátio da Secretaria de Infraestrutura do Município.

O vigilante que estava no local ouviu uma explosão e foi até a garagem para verificar o que havia acontecido. No local, ele percebeu que o fogo já havia tomado os veículos e as chamas se espalharam rapidamente. O vigilante informou que não viu ninguém no local.

O fogo começou por volta de 1h e o Corpo de Bombeiros foi acionado. No entanto, como o carro vinha da cidade vizinha, Catolé do Rocha, não chegou a tempo de debelar as chamas.

A polícia foi acionada e passará a investigar o caso para saber se o incêndio foi criminoso ou acidental. Deve ser realizada uma perícia no local para analisar a situação e colher dados para a investigação.

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de São Bento, os ônibus que foram danificados pelo incêndio faziam o transporte dos alunos dentro do próprio município. Somente uma rota teria deixado de ser feita na manhã desta terça-feira (13), que seria para a zona rural.

O prefeito de São Bento informou que solicitou uma reunião com o governador Ricardo Coutinho e com o ministro da Educação, Mendonça Filho, para buscar uma solução para o problema. “Vou dedicar todo o meu esforço para superar mais esse desafio. A meta agora é solucionar emergencialmente o transporte dos estudantes e conquistar novos veículos para o nosso município. Unidos vamos superar essa Tragédia que compromete a educação e o futuro dos nossos alunos. Vamos vencer”, declarou Jarques Lúcio através de nota.

ClickPB

Comente usando o Facebook

Publicidade