Publicidade

Os bombeiros chilenos suspeitam que um vazamento de gás tenha causado as mortes. ​O prédio todo foi esvaziado durante as operações.

Os corpos de seis brasileiros foram encontrados nesta quarta-feira (22), em um apartamento na cidade de Santiago, no Chile. A informação foi confirmada pelo Ministério de Relações Exteriores, que não divulgou a identidade das vítimas.

Os bombeiros chilenos suspeitam que um vazamento de gás tenha causado as mortes.

Segundo informações da Polícia Civil de Santa Catarina, as vítimas são um casal de moradores de Biguaçu, na Grande Florianópolis, e os dois filhos adolescentes, além de outro casal de amigos que morava em São Paulo.

Ainda de acordo com a polícia catarinense, os brasileiros estavam em Santiago para comemorar o aniversário de um dos adolescentes.

De acordo com o Itamaraty, um diplomata do Consulado do Brasil em Santiago encontrou os corpos após receber um alerta de um delegado brasileiro. Segundo o ministério, esse delegado foi acionado por familiares das vítimas.

O comandante da polícia chilena Rodrigo Soto disse ao jornal “El Mercurio” que os policiais encontraram um forte cheiro do gás quando entraram no apartamento. Bombeiros ainda fazem perícia para comprovar o vazamento. O prédio todo foi esvaziado durante as operações.

O edifício onde ocorreram as mortes fica na esquina das ruas Santo Domingo e Mosqueto, no centro de Santiago. As autoridades ainda não sabem o que causou o vazamento nem por quanto tempo as vítimas respiraram o gás.

Click Pb.

Comente usando o Facebook

Publicidade