Publicidade

De acordo com o delegado Ilamilto Simplício da Polícia Civil, o suspeito se entregou acompanhado de um advogado

Um homem suspeito de matar a esposa com um tiro na cabeça se entregou à Polícia Civil, nesta segunda-feira (13), em Sousa, no Sertão da Paraíba. A morte ocorreu em 19 de abril.

De acordo com o delegado Ilamilto Simplício da Polícia Civil, o suspeito se entregou acompanhado de um advogado. Ele alegou que o tiro foi acidental.

Relembre o caso

Artur Garrido da Silva, 33 anos, possui um mandado de prisão decretado pela Justiça da 2ª Vara da Comarca de Sousa. Ele também responde a processo por agressão a outra mulher.

ClickPB

Comente usando o Facebook

Publicidade